quinta-feira, 26 de novembro de 2009

Um dia a gente cansa...

Um dia agente cansa de amar e não ser amada
De pedir atenção
De esperar um elogio
De olhar sozinha para o horizonte
De ser desejada
De receber declarações de amor
De esperar uma atitude bonita
De ser surpreendida com uma flor,um bilhetinho,um bombom
Um dia a gente cansa de amar
Um dia...simplesmente a gente cansa!

Sempre é preciso saber...

“Sempre é preciso saber quando uma etapa chega ao final.
Se insistirmos em permanecer nela mais do que o tempo necessário, perdemos a alegria e o sentido das outras etapas que precisamos viver. Encerrando ciclos, fechando portas, terminando capítulos, não importa o nome que damos, o que importa é deixar no passado os momentos da vida que já se acabaram.
Foi despedido do trabalho? Terminou uma relação? Deixou a casa dos pais? Partiu para viver em outro país? A amizade tão longamente cultivada desapareceu sem explicações?
Você pode passar muito tempo se perguntando por que isso aconteceu. Pode dizer para si mesmo que não dará mais um passo enquanto não entender as razões que levaram certas coisas, que eram tão importantes e sólidas em sua vida, serem subitamente transformadas em pó.
Mas tal atitude será um desgaste imenso para todos: seus pais, seu marido ou esposa, seus amigos, seus filhos, todos estarão encerrando capítulos, virando a folha, seguindo adiante, todos sofrerão ao ver que você está parado.
Ninguém pode estar ao mesmo tempo no presente e no passado, nem mesmo quando tentamos entender as coisas que acontecem conosco. O que passou não voltará: não podemos ser eternamente meninos, adolescentes tardios, filhos que se sentem culpados ou rancorosos com os pais, amantes que revivem noite e dia uma ligação com quem já foi embora e não tem a menor intenção de voltar.
As coisas passam, e o melhor que fazemos é deixar que elas realmente possam ir embora.
Por isso é tão importante (por mais doloroso que seja!) destruir recordações, mudar de casa, dar muitas coisas para orfanatos.
Tudo neste mundo visível é uma manifestação do mundo invisível, do que está acontecendo em nosso coração, e desfazer-se de certas lembranças significa também abrir espaço para que outras tomem o seu lugar.
Deixar ir embora, soltar, desprender-se. Ninguém está jogando nessa vida com cartas marcadas, portanto às vezes ganhamos, e às vezes perdemos. Não espere que devolvam algo, não espere que reconheçam seu esforço, que descubram seu gênio, que entendam seu amor.
Não há nada mais perigoso que rompimentos amorosos que não são aceitos, promessas de emprego que não tem data marcada para começar, decisões que sempre são adiadas em nome do "momento ideal". Antes de começar um capítulo novo, é preciso terminar o antigo: diga a si mesmo que o que passou jamais voltará.
Lembre-se que houve uma época em que podia viver sem aquilo, sem aquela pessoa. Nada é insubstituível, um hábito não é uma necessidade.
Encerrando ciclos. Não por causa do orgulho, por incapacidade ou soberba, mas porque simplesmente aquilo já não se encaixa mais na sua vida. Feche a porta, mude o disco, limpe a casa, sacuda a poeira. Deixe de ser quem era, e se transforme em quem é.”

domingo, 22 de novembro de 2009

TRABALHO DE ARTES - AQUARELA








Semana de Provas



Olá galera
Vai começar a Semana de provas.
Fiquem ligados ao cronograma abaixo e estudem!!!
23/11 - Matemática e Geografia
24/11 - Português - Ciências
25/11 - Aula Normal (Prova Brasil para as 8 ª séries)
26/11 - História e Educação Física
27/11 - Inglês e Artes
BOA SORTE!!! 

sexta-feira, 20 de novembro de 2009

O Mundo sem Mulheres!!


  O cara faz um esforço desgraçado para ficar rico pra quê?
  O sujeito quer ficar famoso pra quê?
  O indivíduo malha, faz exercícios pra quê?
  A verdade é que é a mulher o objetivo do homem.
  Tudo que eu quis dizer é que o homem vive em função da mulher.
  Vivem e pensam em mulher o dia inteiro, a vida inteira.
  Se a mulher não existisse, o mundo não teria ido pra frente.
  Homem algum iria fazer alguma coisa na vida para impressionar outro homem, para conquistar sujeito igual a ele, de bigode e tudo.
  Um mundo só de homens seria o grande erro da criação.
  Já dizia a velha frase que 'atrás de todo homem bem-sucedido existe uma grande mulher'. 
  O dito está envelhecido. Hoje eu diria que 'na frente de todo homem bem-sucedido existe uma grande mulher'.
  É você, mulher, quem impulsiona o mundo.
  É você quem tem o poder, e não o homem.


  É você quem decide a compra do apartamento, a cor do carro, o filme a ser visto, o local das férias.
  Bendita a hora em que você saiu da cozinha e, bem-sucedida, ficou na frente de todos os homens.
  E, se você que está lendo isto aqui for um homem, tente imaginar a sua vida sem nenhuma mulher.
  Aí na sua casa, onde você trabalha, na rua. Só homens.
  Já pensou?
  Um casamento sem noiva?
  Um mundo sem sogras?
  Enfim, um mundo sem metas.


  ALGUNS MOTIVOS PELOS QUAIS OS HOMENS GOSTAM TANTO DE MULHERES:

  1- O cheirinho delas é sempre gostoso, mesmo que seja só xampu.
  2- O jeitinho que elas têm de sempre encontrar o lugarzinho certo em nosso ombro, nosso peito.
  3- A facilidade com a qual cabem em nossos braços
  4- O jeito que tem de nos beijar e, de repente, fazer o mundo ficar
  perfeito.
  5- Como são encantadoras quando comem.
  6- Elas levam horas para se vestir, mas no final vale a pena.
  7- Porque estão sempre quentinhas, mesmo que esteja fazendo trinta graus abaixo de zero lá fora
  8- Como sempre ficam bonitas, mesmo de jeans com camiseta e
  rabo-de-cavalo.
  9- Aquele jeitinho sutil de pedir um elogio.
  10- O modo que tem de sempre encontrar a nossa mão.
  11- O brilho nos olhos quando sorriem.
  12- O jeito que tem de dizer 'Não vamos brigar mais, não..'
  13- A ternura com que nos beijam quando lhes fazemos uma delicadeza.
  14- O modo de nos beijarem quando dizemos 'eu te amo'.
  15- Pensando bem, só o modo de nos beijarem já basta.
  16- O modo que têm de se atirar em nossos braços quando choram.
  17- O fato de nos darem um tapa achando que vai doer.
  18- O jeitinho de dizerem 'estou com saudades'.
  19- As saudades que sentimos delas.
  20- A maneira que suas lágrimas tem de nos fazer querer mudar o mundo para que mais nada lhes cause dor.

Enfim, as mulheres são essenciais!!!


sábado, 14 de novembro de 2009

Parque das Aves



Os alunos de 5ª séries do COLÉGIO ESTADUAL ULYSSES GUIMARÃES visitaram o Parque das Aves em Foz do Iguaçu.
O Parque das Aves é um parque particular do Brasil e conta com 17 hectares de mata nativa.
Criado em 1994 pelo casal de biólogos ingleses Dennis e Anna Croukamp, o Parque das Aves é uma atração temática que possibilita aos visitantes entrar em espaçosos viveiros e acompanhar de perto a vida de mais de 1.100 amimais entre aves, répteis e mamiferos, de 135 espécies, muitas delas ameaçadas extinção, muitas delas ameaçadas seriamente de extinção. Essa grande quantidade de animais, integrada à floresta do Parque Nacional do Iguaçu, inevitavelmente proporciona um raro espetáculo de gorjeios e cores.
No interior do Parque das Aves, a natureza mostra com esplendor parte de sua diversidade. O acesso aos viveiros é feito por meio de corredores com portas duplas, para impedir que as aves mais espertas consigam fugir.
Uma vez lá dentro, a proximidade com os pássaros é constante. Os tucanos, por exemplo, mais acostumados às pessoas, fazem vôos rasantes sobre os turistas e costumam brincar com objetos deles, como canetas e chaves.

Todos os animais expostos no Parque das aves são oriundos de zoologicos, criadores autorizados pelo IBAMA ou Centros de Reabilitação. Além das aves, também veem ali jacarés, jibóias, saguis e borboletas, todos em áreas que imitam seus ecossistemas naturais, sem telas ou vidros.


Aquarela


Numa folha qualquer Eu desenho um sol amarelo E com cinco ou seis retas É fácil fazer um castelo...
Corro o lápis em torno Da mão e me dou uma luva E se faço chover Com dois riscos Tenho um guarda-chuva...
Se um pinguinho de tinta Cai num pedacinho Azul do papel Num instante imagino Uma linda gaivota A voar no céu...
Vai voando Contornando a imensa Curva Norte e Sul Vou com ela Viajando Havaí Pequim ou Istambul Pinto um barco a vela Branco navegando É tanto céu e mar Num beijo azul...
Entre as nuvens Vem surgindo um lindo Avião rosa e grená Tudo em volta colorindo Com suas luzes a piscar...
Basta imaginar e ele está Partindo, sereno e lindo Se a gente quiser Ele vai pousar...
Numa folha qualquer Eu desenho um navio De partida Com alguns bons amigos Bebendo de bem com a vida...
De uma América a outra Eu consigo passar num segundo Giro um simples compasso E num círculo eu faço o mundo...
Um menino caminha E caminhando chega no muro E ali logo em frente A esperar pela gente O futuro está...
E o futuro é uma astronave
Que tentamos pilotar Não tem tempo, nem piedade Nem tem hora de chegar Sem pedir licença Muda a nossa vida E depois convida A rir ou chorar...
Nessa estrada não nos cabe Conhecer ou ver o que virá O fim dela ninguém sabe Bem ao certo onde vai dar Vamos todos Numa linda passarela De uma aquarela Que um dia enfim Descolorirá...
Numa folha qualquer Eu desenho um sol amarelo (Que descolorirá!) E com cinco ou seis retas É fácil fazer um castelo (Que descolorirá!) Giro um simples compasso Num círculo eu faço O mundo (Que descolorirá!)...

terça-feira, 10 de novembro de 2009

SER FELIZ!!!!



Ser feliz não é ter
um céu sem tempestades,
caminhos sem acidentes,
trabalhos sem fadigas,
relacionamentos sem decepções.
Ser feliz é
encontrar força no perdão,
esperança nas batalhas,
segurança no palco do medo,
amor nos desencontros.
Ser feliz não é apenas
comemorar o sucesso,
mas aprender lições
nos fracassos.
Ser feliz não é apenas
ter júbilo nos aplausos
mas encontrar alegria
no anonimato.
Ser feliz é reconhecer
que vale a pena viver a vida,
apesar de todos os desafios,
incompreensões e períodos de crise.
Ser feliz não é
uma fatalidade do destino,
mas uma conquista de quem sabe viajar
para dentro do seu próprio ser.
Ser feliz é deixar de ser vítima dos problemas
e se tornar um autor da própria história.
É atravessar desertos fora de si
e ser capaz de encontrar um oásis no recôndito da sua alma.
É agradecer a Deus a cada manhã pelo milagre da vida.
Ser feliz é não ter medo
dos próprios sentimentos.
É saber falar de si mesmo.
É ter coragem para ouvir um “não”.
É ter segurança para receber uma crítica,
mesmo que injusta.
É beijar os filhos, curtir os pais!
É ter momentos poéticos com os amigos,
mesmo que eles nos magoem.
Ser feliz é deixar viver
a criança livre, alegre e simples
que mora dentro de cada um de nós.
É ter maturidade para falar:
“Eu errei”.
É ter ousadia para dizer:
“Me perdoe!”
É ter sensibilidade para expressar:
“Eu preciso de você”.
É ter capacidade de dizer “Eu te amo”. E, quando você errar o caminho,
recomece tudo de novo.
Pois assim você será cada vez
mais apaixonado pela vida.
E descobrirá que...
Ser feliz não é ter uma vida perfeita.
Mas usar as lágrimas para irrigar a tolerância.
Usar as perdas para refinar a paciência.
Usar as falhas
para esculpir a serenidade.
Usar a dor para lapidar o prazer.
Usar os obstáculos para abrir
as janelas da inteligência.